Avaliações de Riscos Ocupacionais

Ruído;
Ruído é a mistura de sons ou tons e, resumidamente, ruído ocupacional é qualquer sensação sonora considerada indesejável.
O ruído pode ser contínuo, intermitente ou de impacto e é avaliado quantitativamente por equipamento portátil de uso pessoal (audiodosímetro) onde é conhecida a intensidade média do nível de ruído.
Outra forma de avaliação é a do ambiente, máquina, ou interferência entre esses fatores, nesse caso é usado um medidor de nível de pressão sonora (decibelímetro) que verifica a intensidade instantânea do ruído, sendo essa avaliação mais utilizada para controles acústicos e relatórios de conforto acústico.

Calor;
Calor é a energia térmica transferida entre dois corpos que estão a temperaturas diferentes.
O Calor é avaliado considerando as temperaturas do ar (TBS), temperatura radiante (TG) e temperatura relacionada a umidade do ar (TBN), é fundamental conhecer também o Metabolismos da atividade, que é a quantidade de caloria que o empregado perde durante o processo. Conhecendo esses fatores é realizado uma Média chamada de Temperatura de Bulbo Úmido e Temperatura de Globo (IBUTG).

A avaliação do calor é feita no ambiente e projetada para os empregados e suas respectivas ocupações ou Grupo Homogêneo de Exposições.

Vibração de corpo humano;
A vibração consiste em movimento inerente aos corpos dotados de massa e elasticidade. O corpo humano possui uma vibração natural. Se uma frequência externa coincide com a frequência natural do sistema, ocorre a ressonância, que implica em amplificação do movimento. A energia vibratória é absorvida pelo corpo, como consequência da atenuação promovida pelos tecidos e órgãos.

Existem 2 tipos de Vibração no estudo da Higiene Ocupacional, A Vibração de Corpo Inteiro (VCI) que, resumidamente, é aquela em que é exercida sobre todo o corpo humano de forma similar, exemplo: operação de máquina ou equipamento (empilhadeira, trator, guincho), a outra forma é a Vibração Localizada, conhecida nas legislações técnicas como Vibrações de Mãos e Braços (VMB), que é aquela que é exercida com uma intensidade maior em parte do corpo, exemplo: Operação de Martelete pneumático.
As técnicas e limites estabelecidos também são diferentes para cada tipo de Vibração e devem ser adotados corretamente.

Agentes Químicos
Agentes Químicos: São substâncias compostas ou produtos que possam penetrar no organismo pela via respiratória, ou pela natureza da atividade de exposição possam ter contato através da pele ou serem absorvidos pelo organismo por ingestão

São classificados em Aerodispersóides que são as (poeiras, Névoas, Neblinas, Fumos Metálicos, Fibras), Gases e Vapores e os líquidos.

Agentes Químicos – Aerodispersóides
De forma geral, um Aerodispersóides está formado por uma dispersão de partículas sólidas ou líquidas no ar, de tamanho reduzido,

Os aerodispersóides são classificados em Poeiras, Fibras, Fumos, Névoas e Neblinas, geralmente, são avaliados no ambiente por método indireto, sendo, coleta do agente por amostradores e envio ao laboratório de análise toxicológica de Higiene Ocupacional,

Poeiras: são partículas sólidas, produzidas por ruptura mecânica de sólidos.
Fibras: são partículas sólidas, produzidas por ruptura mecânica de sólidos, geralmente com diâmetro retangular nas dimensões de 3:1 (Altura = 3 e largura = 1);
Fumos: são partículas sólidas, produzidas por condensação ou solidificação (oxidação) de vapores de substâncias sólidas a temperatura normal.
Névoas: são partículas líquidas, produzidas por ruptura mecânica de líquidos.
Neblinas: são partículas líquidas, produzidas por condensação de vapores de substâncias líquidas a temperatura normal.

Agentes Químicos – Gases e Vapores;
GÁS é a denominação dada às substâncias que, em condições normais de pressão e temperatura (25°C e 760 mmHg), estão no estado gasoso. Exemplos: oxigênio, hidrogênio, nitrogênio;

VAPOR é a fase gasosa de uma substância que na C.N.P.T. (25°C e 760 mmHg) é liquida ou sólida. Exemplo: vapores de água, vapores de gasolina, vapores de naftalina.

Os gases e vapores podem ser avaliados de forma direta por aparelhos detectores do agente químico específico, mais utilizado em liberação de áreas, espaços confinados, entre outro e, por avaliação indireta, coleta do agente por amostradores e envio ao laboratório de análise toxicológica de Higiene Ocupacional, mais usados para elaboração de PPRA, LTIP e LTCAT.

Iluminamento
Iluminamento é a intensidade de iluminação ou iluminancia.

A avalição de iluminamento é realizada principalmente em programas ergonômicos do tipo AET para verificação do posto de trabalho e sua adaptação ao homem.

Equipamentos e Laboratórios de análises:
Visando resultados confiáveis, todos os equipamentos e dispositivos de avaliações ambientais da PREVINE SMS são devidamente calibrados por órgãos competentes e seguem os mais rigorosos padrões nacionais e internacionais para a garantia dos resultados.

Os profissionais da PREVINE SMS são devidamente capacitados e habilitados para a realização das avaliações ambientais e elaboração dos documentos;

Abaixo alguns de nossos instrumentos/parceiros de avaliações de HO: